Pesquise Aqui!

3 de mai de 2011

Diminui a proporção de jovens e aumenta a de idosos na região

por Diário Popular
" IPATINGA - Jovens de 15 a 29 anos de municípios considerados 'rurais' estão saindo cada vez mais cedo de seus domicílios para morar nos centros urbanos."
população

Enquanto cai proporcionalmente o número de pessoas de 0 a 29 anos de idade, os demais grupos etários aumentaram suas participações na última década      

Contabilizando os quatro municípios da RMVA, os idosos acima de 65 anos somam mais de 30.408 habitantes. A representatividade dos grupos etários no total da população em 2010 em relação à observada em 2000 no Colar e Região Metropolitana do Vale do Aço - RMVA segue praticamente a mesma tendência nacional.
Enquanto cai proporcionalmente o número de pessoas de 0 a 29 anos de idade, os demais grupos etários aumentaram suas participações na última década. O conjunto da população dos 26 municípios que soma hoje 615.297 habitantes foi compilado pelo Instituto de Pesquisa Tabulare, com base no banco de dados do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE), divulgados no último final de semana.
Na região, o grupo das pessoas de até 29 anos de idade, por exemplo, representava 57,4% no Censo de 2000, enquanto hoje caiu para 49,4%. Os idosos acima de 65 anos em 2000 somavam 5,2%, ao passo que em 2010 cresceu para 7,5%. O batimento em nível nacional não é muito diferente, pois em 2000 os idosos representavam 5,9%, e atualmente - 7,6%. Assim, como em todo o Brasil, a faixa etária de idosos cresceu na última década, sobretudo nos municípios 'rurais'.
Proporcionalmente, há disparidades entre os perfis de idade entre os quatro municípios que compõem a Região Metropolitana e o grupo dos 22 integrantes do Colar Metropolitano. Conforme apurou a Tabulare, a população acima de 65 anos, por exemplo, nos quatro municípios da RMVA é composta de 6,7% do universo populacional, enquanto nos demais municípios a média sobe para 10,3%.
Por município, se Santana do Paraíso, por exemplo, os idosos acima de 65 anos de idade equivalem a apenas 5,7%, em Braúnas é de 14,1%. Joanésia é o segundo município da RMVA com maior proporção de idosos na região - 13,5%, seguida de Dom Cavati - 12,9% e Açucena - 11,9%.
Depois de Santana do Paraíso, os municípios com menor proporção de idosos são: Ipatinga - 6,3%; Ipaba - 6,8%; Belo Oriente - 7%; Timóteo - 7,4%. Coronel Fabriciano e Pingo D'Àgua - 7,5%; Naque - 8%; Antônio Dias - 8,1%; e Jaguaraçu - 8,4%. Proporcionalmente, a maior população de pessoas de até 29 anos de idade é registrada em Ipaba - 54,9%, acompanhada de Naque - 53,9%; Periquito - 53,6%; Belo Oriente - 53,3%; Santana do Paraíso - 53,1%; Pingo D'Água - 51%; Antônio Dias - 50,9%; e Coronel Fabriciano - 48,8%.

Média de jovens cai nos municípios rurais
IPATINGA - Na região, enquanto a média de jovens de 15 a 29 anos domiciliados nos quatro municípios da RMVA chega a 27% do universo populacional, nos demais municípios do colar, a média despenca para 23%.
Em alguns municípios houve queda significativa do número de jovens na última década, principalmente os compostos de maior população rural. A queda mais acentuada foi registrada em Joanésia - 6,4%. Outros municípios com poucos jovens são: Vargem Alegre (4,7%); Mesquita (4,6%); Marliéria (4,5%); Pingo D'Água (4,4%); e Entre Folhas (4,1%).

As mulheres vivem mais que os homens
IPATINGA - Também seguindo a mesma pirâmide nacional, as mulheres estão vivendo mais que os homens na região do Vale do Aço. Do grupo de mulheres recenseadas, 8,6% tem acima 65 anos ou mais, enquanto a média de homens cai para 6,9%. Já entre pessoas de até 29 anos, os homens são maioria - 51% contra 48%. No grupo etário de 30 a 64 anos, 42% são homens e 44% mulheres.

Voz do Povo

Compartilhe

Vídeos Ipaba

Loading...