Pesquise Aqui!

9 de out de 2010

José Vieira renova esperança de voltar à prefeitura


O Tribunal Superior Eleitoral (TSE) indeferiu por unanimidade os três agravos e um pedido de reconsideração feito pela coligação Movimento Progressista de Ipaba (MPI), e pelo atual prefeito de Ipaba, segundo colocado nas eleições de 2008, Geraldo dos Reis Neves (PMDB), o Geraldo da Farmácia. Com a decisão ocorrida na corte na noite desta quinta-feira (07), e após a publicação no Diário Oficial, os autos serão encaminhados para o Tribunal Regional de Minas Gerais (TRE-MG).

O prefeito eleito de Ipaba, José Vieira de Almeida (DEM), renovou as esperanças após ter o registro de candidatura indeferido, segundo seu grupo, “por um mero erro de digitação”. O erro foi descoberto em 19 de novembro, 45 dias depois da eleição. Os advogados pediram a republicação e o Tribunal Regional Eleitoral (TRE) negou. A defesa apelou, através de um recurso especial, para o Tribunal Superior Eleitoral (TSE), o que acabou sendo aceito pelo ministro Arnaldo Versiani.

Arnaldo Versiani, diante das considerações, deu provimento, em parte, aos recursos especiais, com base no Regimento Interno do TSE, “para determinar a republicação do acórdão regional retificado, que indeferiu o pedido de registro de José Vieira de Almeida, com a reabertura do prazo recursal”.

“Isso significa que determinada a republicação do acórdão será dada ao José Vieira a oportunidade de provar que não estava inelegível à época das eleições, já que o recurso que tramitava no Tribunal de Contas da União (TCU) não possui efeito suspensivo. E essa decisão do TCU já havia transitado em julgado há mais de cinco anos, o que prova que José Vieira estava com sua capacidade eleitoral de elegibilidade. Ele concorreu porque era elegível. Agora haverá a oportunidade de defesa. O que houve foi um equívoco”, entendem os advogados do prefeito eleito.

O democrata José Vieira foi eleito com 3.600 votos (36,53%) contra 2.955 (29,99%) de seu adversário Geraldo dos Reis Neves, o Geraldo da Farmácia.


Geraldo da Farmácia teve que arrombar portas para assumir
O impasse político de Ipaba, que parece estar caminhando para o seu final, já teve episódios inusitados, envolvendo o atual prefeito de Ipaba, Geraldo da Farmácia (PSDB), e o prefeito eleito pelo voto popular, José Vieira (DEM). Quando Geraldo da Farmácia foi empossado prefeito, acusou o seu antecessor, José Vieira, de não ter lhe entregado as chaves do prédio da administração municipal. A solenidade de posse aconteceu no dia 1º de janeiro de 2009, na Escola Municipal Padre João Geraldo, reunião esta cercada de tumultos e protestos, e com a ausência dos vereadores pertencentes à bancada do DEM, partido do ex-prefeito.

O ex-presidente da Câmara Municipal, Braz José da Silva (PSB), afirmou à reportagem, na época, que foi necessário o apoio da Polícia Militar para garantir a Geraldo Neves o direito de adentrar no prédio da prefeitura. De acordo com Braz, a fechadura da entrada principal teve de ser arrombada pelos políticos, já que as chaves não foram localizadas. Ele ainda relatou que várias chaves de vários veículos de propriedade do município também estavam com o ex-prefeito, que não deu declarações sobre o ocorrido.

7 de out de 2010

Família vive drama com detento tetraplégico

Homem estava na penitenciária de Ipaba, mas teve que ser transferido para Ribeirão das Neves. Esposa acredita que nenhuma unidade prisional da região teria estrutura para recebê-lo

Emmanuel FrancoRepórter 
Residentes do Bairro Caladão, em Coronel Fabriciano, a esposa e os filhos do aposentado Edmilson Moreira Martins, de 49 anos, buscam uma solução para um drama que tem tirado o sono da família. Tetraplégico e doente em fase terminal, ele foi preso há algumas semanas pela Polícia Militar. Na ocasião, Edmilson foi encaminhado para a penitenciária Dênio Moreira de Carvalho, em Ipaba, mas, nesta segunda-feira (4), teve que ser transferido para Ribeirão das Neves, na Região Metropolitana de Belo Horizonte.    

O jornal VALE DO AÇO esteve na manhã desta quarta-feira (6) com a esposa do detento, a comerciante Líbia Maria Rocha Maciel Dias, 52. Ela reiterou as complicações de saúde do marido, lembrando que nenhuma unidade prisional da região teria recursos e estrutura para recebê-lo. “Ele corre risco de morte. Muito mesmo. Tem problemas de hanseníase, câncer e muitas infecções. Quando estava em nossa casa, meu esposo dependia dos filhos para tomar banho, para evacuar e para se alimentar. Até para tomar uma água ele dependia dos filhos”, explicou.

De acordo com Líbia, Edmilson sofre de câncer na próstata. “Duas vezes ao dia ele tem que tomar banho e trocar curativos. Meu marido foi preso em função de um mandado de prisão. Desde então começamos a correr atrás de uma solução, com a ajuda do Dr. Adão (dos Anjos, chefe da penitenciária Dênio Moreira). O resultado foi positivo e ele ajudou a gente muito. Só que houve um imprevisto e transferiram Edmilson para Belo Horizonte por ele ter piorado, passado muito mal. Só que hospital nenhum consegue tomar conta dele, pois o que meu esposo precisa é do apoio da família. Ele está chorando muito, sofrendo muito por causa das netas. Edmilson tem uma netinha de três anos que é ‘doente’ com ele. Ela está chorando por causa do avô. Não tem como a gente levar a menina até ele”, comentou. “Meu marido tem os defeitos dele, porque ninguém é perfeito, mas tem uma virtude: é um ótimo pai, soube criar os filhos. Edmilson é apaixonado com os nossos filhos e netos. E o que mais ‘mata’ ele é a distância da família”, completou. 

“Escondemos da polícia” 
Conforme Líbia, o marido está acamado e não oferece risco a ninguém. No dia da prisão de Edmilson, a família fez o que pôde para tentar evitá-la. “Tiramos meu esposo de casa e o escondemos da polícia para que ele não fosse preso. Ele não tem condições de ficar recolhido em uma cadeia. Se ficar, ele vai morrer”, afirmou a comerciante, que preferiu não dar detalhes acerca dos crimes que o esposo cometeu, mas informou como ele ficou tetraplégico: “Ele andava normalmente, mas aí houve um problema com uma namorada. Edmilson se desentendeu com uma pessoa, tomou alguns tiros e ficou assim”.

Líbia ainda reclamou que o marido foi transferido da penitenciária Dênio Moreira de Carvalho sem que a família fosse informada. “Fiquei sabendo na manhã desta terça que ele havia sido mandado para Ribeirão das Neves. Ninguém me comunicou. Eu tinha direito de acompanhá-lo até Belo Horizonte, pois meu marido não é animal, ele é um ser humano e tem família. Estou passando por muitas dificuldades. Não tenho como todo sábado e domingo deslocar daqui pra ir vê-lo em BH. Ele nunca podia ter sido transferido sem a presença de um familiar”, disse. 

Desespero 
Desesperada com a situação de Edmilson, Líbia sugeriu às autoridades medidas improváveis de serem tomadas. “Não há risco de ele fugir. Que perigo que tem? Pode deixar ele aqui em casa com um policial na porta, que garanto que meu marido não vai sair. Quem vai tirar ele daqui? Ou então algemem a perna dele na cama, que eu cuido dele do mesmo jeito”, desabafou.
 A esposa do detento ratificou a indignação pelo o fato de a transferência de Edmilson para Ribeirão das Neves não ter sido comunicada à família. “Eu entendo pouco das leis, mas sei que meu marido tinha o direito de que uma pessoa da família o acompanhasse até Belo Horizonte. Nós não ficamos sabendo da transferência. Tomei conhecimento pelo telefone quando liguei para saber notícias dele. E se ele tivesse morrido na estrada? Ao Dr. Adão eu só tenho a agradecer. Ele fez o que pôde para ajudar meu esposo. Se tivesse nas mãos dele, Edmilson estaria aqui dentro da minha casa”, complementou. 

A comerciante afirmou ainda ter ficado sabendo que o quadro clínico do esposo piorou em Ribeirão das Neves. “Ele teve convulsões em razão de uma febre alta. Me falaram que ele estava debatendo em cima de uma cama, que também tinha o pênis todo inchado e sangrando”, informou a mulher, que ainda fez um apelo: “Peço que as autoridades que tenham misericórdia, pois tem gente bem pior do que ele solta no mundo. Meu marido não faz mal a ninguém mais, só a ele mesmo. A família necessita dele”.

Processos Julgados - 130ª Sessão Ordinária Jurisdicional - 07/10/2010 ( Composição da Corte )

Ag/Rg NO(A) Recurso Especial Eleitoral Nº 36049 ( MINISTRO ARNALDO VERSIANI )

Origem:
IPABA-MG
Resumo:
AGRAVO REGIMENTAL INTERPOSTO EM FACE DA DECISÃO QUE NEGOU SEGUIMENTO AO RECURSO ESPECIAL ELEITORAL.

Decisão:
O Tribunal, por unanimidade, desproveu o agravo regimental da Coligação MPI - Movimento Progressista de Ipaba, nos termos do voto do Relator. Votaram com o Relator os Ministros Henrique Neves, Cármen Lúcia, Marco Aurélio, Aldir Passarinho Junior, Hamilton Carvalhido e Ricardo Lewandowski (presidente).
Reconsid NO(A) Recurso Especial Eleitoral Nº 36049 ( MINISTRO ARNALDO VERSIANI )

Origem:
IPABA-MG
Resumo:
PEDIDO DE RECONSIDERAÇÃO APRESENTADO EM FACE DA DECISÃO QUE NEGOU SEGUIMENTO AOS RECURSOS DA COLIGAÇÃO MPI - MOVIMENTO PROGRESSISTA DE IPABA, DE GERALDO DOS REIS NEVES E DE LUIZ GONZAGA ALVES TORRES E DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO DE ANTÔNIO CELESTINO PENA E DE JOSÉ VIEIRA DE ALMEIDA.

Decisão:
O Tribunal, por unanimidade, não conheceu do Pedido de Reconsideração, nos termos do voto do Relator. Votaram com o Relator os Ministros Henrique Neves, Cármen Lúcia, Marco Aurélio, Aldir Passarinho Junior, Hamilton Carvalhido e Ricardo Lewandowski (presidente).
Ag/Rg NO(A) Recurso Especial Eleitoral Nº 36049 ( MINISTRO ARNALDO VERSIANI )

Origem:
IPABA-MG
Resumo:
AGRAVO REGIMENTAL INTERPOSTO EM FACE DA DECISÃO QUE NEGOU SEGUIMENTO AO RECURSO ESPECIAL ELEITORAL DE LUIZ GONZAGA ALVES TORRES

Decisão:
O Tribunal, por unanimidade, desproveu o agravo regimental de Geraldo dos Reis Neves e Luiz Gonzaga Alves Torres, nos termos do voto do Relator. Votaram com o Relator os Ministros Henrique Neves, Cármen Lúcia, Marco Aurélio, Aldir Passarinho Junior, Hamilton Carvalhido e Ricardo Lewandowski (presidente).
Ag/Rg NO(A) Recurso Especial Eleitoral Nº 36049 ( MINISTRO ARNALDO VERSIANI )

Origem:
IPABA-MG
Resumo:
AGRAVO REGIMENTAL INTERPOSTO EM FACE DA DECISÃO QUE NEGOU SEGUIMENTO AOS RECURSOS DA COLIGAÇÃO MPI, DE GERALDO DOS REIS NEVES E DE LUIZ GONZAGA ALVES TORRES E DEU PARCIAL PROVIMENTO AO RECURSO DE ANTÔNIO CELESTINO PENA E JOSÉ VIEIRA DE ALMEIDA.

Decisão:
O Tribunal, por unanimidade, desproveu o agravo regimental do Partido do Movimento Democrático Brasileiro (PMDB), nos termos do voto do Relator. Votaram com o Relator os Ministros Henrique Neves, Cármen Lúcia, Marco Aurélio, Aldir Passarinho Junior, Hamilton Carvalhido e Ricardo Lewandowski (presidente).

6 de out de 2010

Arte Clássica nas escolas encerra atividades em Ipaba

Divulgação
I006217.jpg
A orquestra apresenta um repertório erudito nas escolas de maneira didática

IPABA – Depois de passar por várias escolas da região, o projeto Arte Clássica nas Escolas finaliza mais uma temporada, nesta sexta-feira. A apresentação de despedida será na Escola Estadual Gerson Gomes de Almeida, em Ipaba.
As apresentações musicais foram realizadas nas escolas estaduais das seguintes cidades: Dionísio, Ipatinga, Coronel Fabriciano, Timóteo, Ipaba e Iapu entre os meses de setembro e outubro.
O projeto consiste em leva a música clássica para o ambiente estudantil, despertando nas crianças o gosto pela música erudita. Uma iniciativa da pianista Júnia Santiago em parceria com o grupo musical Arte Clássica, foram realizadas apresentações musicais de caráter didático com uma Orquestra de Câmara Jovem.
A orquestra, patrocinada pela Usiminas, possui instrumentos como violinos, viola, violoncelo, contra-baixo acústico, flauta transversal, trompete e teclado.

“Através desse contato revestido de descobertas e didatismo, eles tiveram a oportunidade de conhecer obras bem elaboradas, de compositores como Mozart, Beethoven, Vivaldi e Bach. Foi uma oportunidade do conhecimento formal, dentro do informal”, declarou Júnia Santiago.

4 de out de 2010

Situação Política de Ipaba no TSE

Andamentos
Seção Data e Hora Andamento
SEDIV-PS 04/10/2010 19:17 Recebido
GAB-AV 04/10/2010 12:48 Enviado para SEDIV-PS. Para julgamento .
GAB-AV 27/08/2010 10:20 Recebido
CPRO 27/08/2010 09:44 Enviado para GAB-AV. Conclusos ao Relator .
CPRO 26/08/2010 16:46 Decurso de prazo para recurso do Ministério Público Eleitoral em 25.08.2010.
CPRO 22/08/2010 08:58 Recebido
GAB-SJD 22/08/2010 08:51 Enviado para CPRO. Para providências: .
GAB-SJD 22/08/2010 08:51 Recebido
PGE 21/08/2010 20:49 Enviado para GAB-SJD. Com ciência do Vice-Procurador Geral
PGE 20/08/2010 13:03 Recebido
CPRO 19/08/2010 18:10 Enviado para PGE. Vista à PGE .
CPRO 19/08/2010 17:58 Interposto Agravo Regimental (Protocolo: 25.070/2010 de 19/08/2010 13:57:24). Por Luiz Gonzaga Alves Torres e outro
CPRO 17/08/2010 12:22 Publicação em 17/08/2010 Diário da Justiça Eletrônico Pag. 90-92. Decisão Monocrática de 09/08/2010.
CPRO 12/08/2010 16:43 Aguardando publicação de decisão prevista para o dia 17.8.2010.
CPRO 11/08/2010 13:26 Recebido
GAB-AV 10/08/2010 19:00 Enviado para CPRO. Com decisão
GAB-AV 10/08/2010 18:41 Registrado Decisão Monocrática de 09/08/2010. Negado(a) seguimento ao recurso especial.
GAB-AV 05/08/2010 18:30 Recebido
SEDIV-PS 05/08/2010 18:20 Enviado para GAB-AV. Autos solicitados .
SEDIV-PS 04/08/2010 17:52 Recebido
GAB-AV 04/08/2010 16:47 Enviado para SEDIV-PS. Para julgamento
GAB-AV 04/08/2010 16:22 Recebido
CPRO 04/08/2010 15:07 Enviado para GAB-AV. Conclusos ao Relator .
CPRO 04/08/2010 15:04 Publicação em 02/08/2010 Diário da Justiça Eletrônico Pag. 139. Desapcho de 1/7/2010 no Protocolo nº 17.517/2010.
CPRO 04/08/2010 14:37 Recebido
GAB-AV 04/08/2010 13:53 Enviado para CPRO. Autos devolvidos .
GAB-AV 04/08/2010 13:53 Recebido
SEDIV-PS 04/08/2010 13:50 Enviado para GAB-AV. Autos devolvidos .

Eleições 2010 - Os Mais Votados em Ipaba/MG

Deputado Federal    e  Deputado Estadual

Voz do Povo

Compartilhe

Vídeos Ipaba

Loading...