Pesquise Aqui!

21 de jan de 2013

Morador de Ipaba é ‘recebido’ com tiros em Ipatinga


DA REDAÇÃO - No começo da manhã de domingo (20), por volta das 05h40, Ulysses Rodrigues Santos (20), chegava a Ipatinga, vindo da cidade de Ipaba. Ao chegar à Rua Belo Horizonte, foi alvejado com um disparo por um indivíduo que passava em uma motocicleta, sendo atingido na perna. Um veículo que passava no local o socorreu, levando-o para o Hospital Márcio Cunha. A PM compareceu ao HMC para fazer a ocorrência, ouvindo toda a história da vítima, que permanece com o projétil alojado no membro inferior. Policiais estiveram no local apontado por Ulysses, mas não encontraram nenhuma testemunha.

Fonte: JVA Online

20 de jan de 2013

SES intensifica ações de combate a dengue

“O AUMENTO DOS CASOS DE DENGUE SE DEU, TAMBÉM, PELO DESCASO DAS ADMINISTRAÇÕES EM MUITAS CIDADES DO INTERIOR, COMO NO VALE DO AÇO E MUCURI, REGIÕES EM SITUAÇÃO DE ALERTA” – AFIRMOU O SECRETÁRIO 

BELO HORIZONTE - “Não haverá restrição orçamentária do governo do Estado de Minas para frear a proliferação do mosquito da dengue e otimizar a assistência para a população contaminada.” A afirmação é do secretário de Estado de Saúde, Antônio Jorge de Souza Marques, feita durante a entrevista coletiva concedida ontem, quando ele procurou esclarecer sobre a atual situação da dengue no Estado. “Ainda é preciso confirmar muitos casos, mas a situação é de alerta. Com isso, já estamos envolvendo outros órgãos de governo como a Copasa, Defesa Civil, entre outros, em busca de uma sinergia para esta ação”, disse o secretário.

Mesmo com a redução de 75% dos casos notificados nos últimos três anos no Estado, o atual aumento dos casos chega a ser até sete vezes maior que o preconizado para algumas cidades. Os casos notificados em 17 dias de janeiro de 2013, já superaram os casos notificados em todo o mês de janeiro de 2012: neste mês foram 6.525 casos.
Esta elevação dos casos se deu em razão do forte calor e chuvas durante o mês de dezembro e janeiro e também pelo descaso das administrações  públicas em muitas cidades do interior, como no Vale do Aço e Mucuri, regiões em situação de alerta. “Além da água parada, ocorre também o rápido desenvolvimento do mosquito no período de calor. Além disso, a renovação administrativa, que chegou a 83% das prefeituras apontava para um cenário de ‘desmonte’ negativo das administrações e de fato a saúde pública foi penalizada. Há lugares onde não se faz coleta de lixo há dois meses, existe um abandono, e isso é fatal. O nosso maior problema é a questão da limpeza dos inservíveis, que são potenciais criadouros da doença. Embora não seja papel da secretaria de saúde recolher este lixo, nós já estamos trabalhando em parceria com outros órgãos do estado para resolver o problema”, explica Antônio Jorge.
Para reverter a situação e combater o mosquito, o Governo de Minas investirá R$ 26 milhões no novo Plano de Contingência Estadual, já aprovado pela Comissão Intergestores Bipartite (CIB) em dezembro. 

Mobilização geral
As ações da nova campanha “Dengue, tem que acabar! É hora de todo mundo agir” se dividem em três pilares: comunicação (mobilização social), Vigilância Sanitária e assistência para uma rápida resposta na redução da letalidade, “Dengue mata, no entanto o manejo é muito simples e a participação da sociedade é fator primordial para o enfrentamento. A maioria dos criadouros do mosquito continua dentro dos domicílios”, destaca o Secretário. Entre as ações está a Força Tarefa que já atua desde 2010 em municípios com índices elevados da doença e conta com mais de 280 agentes. A FT é integrada com o Dengue-Movél, que efetua a troca de pneus, pets e latas por material escolar e já removeu cerca de 2,5 milhões de focos, além do Denguemetrô, posto fixo que dá orientações sobre a doença. 
A partir de 21/01 vai ser instituído pela primeira vez no estado o Teste Rápido de dengue. Nas situações de elevação súbita do número de casos, ele permite em cerca de 20 minutos, a detecção precoce dos casos, principalmente nos primeiros dias de sintomas e é uma importante ferramenta para triar amostras para isolamento viral.  
Também foram criadas nas cidades, que necessitam de reforça na assitência, as Unidades de Hidratação, que são estruturas que funcionam 24hs e atendem pessoas com os primeiros sintomas do vírus. 
A SES/MG abriu, ainda, no início do mês, inscrições para médicos, enfermeiros, psicólogos e assistentes sociais voluntários atuarem na Força Estadual de Saúde. Criada em janeiro de 2012 para apoio às vítimas das chuvas, agora ela dá apoio às regiões de maior notificação da doença e já tem 900 profissionais cadastrados.

Dengue continua fazendo vítimas no Vale do Aço

DA REDAÇÃO - Nesta sexta-feira (18), as unidades de hidratação de Timóteo que funciona no Bairro Olaria, na Unidade de Saúde Mário de Souza  e a de Ipatinga localizada na Policlínica Municipal no Bairro Cidade Nobre completaram uma semana de funcionamento. E segundo dados da Superintendência Regional de Saúde (SRS), em Timóteo são feitos 180 atendimentos/dia, 1.260 até o momento, em Ipatinga foram 160 atendimentos/dia 1.122 até agora. Já a unidade de hidratação de Coronel Fabriciano, inaugurada na última terça-feira (15), vem realizando 80 atendimentos diários, 246 atendimentos já foram feitos até agora.
Segundo o Superintendente Anchieta Poggiali, as unidades atendem os pacientes com suspeita de dengue 24h, contando cada uma  com médicos de plantão (o número depende da escala), oito enfermeiros e 14 técnicos de enfermagem, contratados pelo Consaúde com recursos do Governo do Estado. Ele ainda diz que as unidades também recebem reforço de 21 enfermeiros e um médico, todos voluntários da Força Estadual de Saúde.

Avanço da doença
Poggiali adianta ainda que na área de abrangência da SRS, entre o dia 1º ao dia 15 deste mês foram notificados 2.031 casos suspeitos de dengue, sendo que segundo ele ao longo de todo o ano passado foram 6.680 casos suspeitos da doença, destes 1.550 notificações ocorreram  somente no mês de dezembro.
Ele ainda informa que a Força-tarefa do Estado que estava sendo realizada em Timóteo, nesta semana foi estendida a Ipatinga e Periquito. Na próxima semana ela também vai atuar em Coronel Fabriciano e Ipaba.

Voz do Povo

Compartilhe

Vídeos Ipaba

Loading...